Cinco atitudes para combater o aquecimento global

Transporte coletivo contribui para amenizar a emissão dos gases do efeito estufa<br />© Fábio Seixo / Agência O Globo” border=”0″ align=”left” hspace=”4″ vspace=”2″ /></a>Por Helena Mega</p>
<p>Em 2017, a Hora do Planeta está completando dez anos de existência. Para comemorar, aqui estão cinco hábitos que você pode adotar no dia a dia para diminuir o impacto das mudanças climáticas no mundo.</p>
<p><strong>1. Produzir menos lixo</strong></p>
<p>Evite comprar produtos com muitas embalagens e sempre recicle o que for possível. A decomposição do lixo libera CO₂ e metano, gases que contribuem para o efeito estufa. Em um sistema de decomposição mais ideal, esses gases são aprisionados e utilizados para produzir eletricidade.</p>
<p><strong>2. Ir de transporte público</strong></p>
<p>A queima de combustíveis fósseis pelos meios de transporte é a principal fonte de emissão de gases do efeito estufa nas cidades. Assim, utilizar transporte coletivo contribui para amenizar a emissão desses poluentes, além de diminuir os congestionamentos e otimizar o tempo de todos.</p>
<p><strong>3. Consumir produtos locais</strong></p>
<p>Produtos produzidos localmente não necessitam ser transportados a longas distâncias e, portanto, dispensam as emissões de gases do efeito estufa que os caminhões geram ao rodar centenas e centenas de quilômetros carregando mercadorias.</p>
<p><strong>4. Moderar no ar-condicionado</strong></p>
<p>Ares-condicionados liberam gases do tipo HFC, mais potentes que o CO₂ quando se trata de prender os gases do efeito estufa na atmosfera. Ou seja, ao mesmo tempo em que resfriam o interior de ambientes, contribuem para aumentar a temperatura no exterior.</p>
<p>Sentiu-se culpado? Chegou a #HoraDaConfissão: grave um vídeo confessando um mau hábito que você cultiva e assuma o compromisso de mudar uma atitude para ajudar a salvar o planeta. Acesse o <a href=site para participar!

Veja a Fonte da matéria

escrito por

O autor não acrescentou qualquer informação a seu perfil ainda.

Os comentários estão fechados.

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!
©
Pryzant Deisgn